cardoso

ANTÓNIO CARDOSO EM CAMPANHA ELEITORAL:
No final da sua comunicação deixou uma palavra de apoio e esperança aos funcionários da EPMAR, que recentemente foi extinta pelo atual presidente de Câmara Jorge Dantas, garantindo-lhes todo o apoio e QUE SERIAM REINTEGRADOS NOS SERVIÇOS DA CÂMARA MUNICIPAL, SEM PERDA DOS DIREITOS ADQUIRIDOS.
Afinal era só a irmã do vereador que seria reintegrada "sem perda dos direitos adquiridos". Os funcionários que não são seus amigos são DESPEDIDOS!! No final de contas já todos sabíamos, este é apenas presidente dos amigos e o que disse em campanha era só para chegar ao poder!

Este texto vai ficar sempre no cabeçalho deste blogue para nos lembrarmos que género de pessoas governam o nosso concelho.

11 de Abril de 2014

Perguntas simples III: Porque é que a primeira medida do presidente foi contratar um funcionário a ganhar mais de 1.500€ por mês?

A Brancelhe está falida e vai ser extinta. Então porque é que a primeira medida do presidente foi contratar um funcionário a ganhar mais de 1.500€ por mês?

Perguntas simples II: Porque é que o presidente suspendeu o processo disciplinar do irmão do vereador?

Porque é que o presidente suspendeu o processo disciplinar do irmão do vereador?

Perguntas simples I: Porque é que a funcionária irmã do vereador é beneficiada relativamente aos seus colegadas que trabalhavam na EPMAR?

Porque é que a funcionária irmã do vereador é beneficiada relativamente aos seus colegadas que trabalhavam na EPMAR?

A criadagem é na cozinha!

A gente que governa vieira tem de facto uma preferência pelos regimes monárquicos.
Vai daí, no almoço de comemoração dos 3 anos da universidade sénior puseram os funcionários que trabalham neste projecto a almoçar numa arrecadação, separados dos alunos da universidade sénior. É que ainda por cima os funcionários pagaram como todos os outros para comerem as sobras.
Ah, claro está que os assessores do presidente não ficaram ao lado da criadagem que esses estão uns patamares acima...
Manda quem pode. Sua alteza real não se mistura com a criadagem.
É esta a gente humilde que manda no concelho de Vieira do Minho. Gente que humilha e subalterniza os seus colaboradores! Sem vergonha.

Uma auditoria ilegal!

Poucas semanas depois de tomar posse sua alteza real o alegado presidente dizia que já estava a ser feita uma auditoria às contas do municipio.
Acontece, que o contrato da auditoria foi apenas assinado a 11/02/2014. Sim, quase quatro meses depois do executivo tomar posse!
Ora, se o serviço estava a ser feito quando foi adjudicado e quando foi assinado o contrato, podemos dizer que há aqui uma irregularidade processual!
Ora aí está um bom principio para um serviço que pretende fiscalizar...
O gosto que esta gente tem por começar sempre a casa pelo telhado é fascinante...

E como não falta dinheiro...

...aí está o rally de Vieira do Minho.
Grande prova superiormente organizada por uma empresa de Ponte de Lima.
Quem disse que de Ponte de Lima só podiam vir rebanhos de eleitores?
Afinal também vêm empresas organizar ralis.
É que cá na terra não há quem saiba organizar disto...E até deve ser barato...
Ups... o que eu fui dizer... olha, mais umas contas para martelar...

"Se o povo não tem pão, que coma brioches!"

"Se o povo não tem pão, que coma brioches!"

Levando à letra esta célebre expressão, o executivo liderado por sua alteza real o alegado presidente, criou uma versão muito própria:

"Não há dinheiro para coisas básicas? Comam chocolates!"

Só assim se percebe que diga que não há dinheiro para comprar detergentes para limpeza das escolas e, ao mesmo tempo, ofereça a todos os funcionários das escolas uns coelhinhos de chocolate.

Fazendo jus à sua fama de se reproduzir em larga escala, os coelhinhos de chocolate parecem estar a multiplicar-se.

Só aqui ao blogue é que sua alteza real o alegado presidente ainda não fez chegar os prometidos coelhinhos.

Entretanto, aconselha-se aos pais dos meninos que levem uns garrafões de lixívia para desinfectar as instalações. É que a higiene é importante e a comer tanto chocolate...